segunda-feira, 24 de abril de 2017

"Todos estudamos Pessoa no ensino secundário e por isso criámos uma relação de amor-ódio, principalmente quando não tinhamos a experiência necessária para perceber o que ele escrevia." (Diogo Piçarra)

 
Com o intuito de lançar a abordagem ímpar à obra de um dos mais importantes escritores portugueses do séc. XX, Fernando Pessoa, o músico Diogo Piçarra juntou forças com a empresa de conteúdos educativos Betweien e criou o projeto Diogo Piçarra em Pessoa.
A partir da obra pessoana, o artista escreveu os seus próprios poemas e heterónimos num livro, desafiando os jovens a escreverem os seus, através de um projeto que envolve apresentações de música e teatro nas escolas.
 
 
Revista Cais, abril 2017
 
 



Sinopse:
 
A obra de Fernando Pessoa é um património valioso da cultura literária portuguesa. Lê-la, estudá-la e interpretá-la é um desafio exigente e aliciante, que te é lançado pelos teus docentes, durante o percurso escolar. Neste livro, Diogo Piçarra vai mais além e lança-te um repto diferente: uma abordagem ímpar à obra de Pessoa. Numa procura incessante de auto e heteroconhecimento, Diogo encontra-se em Pessoa, selecionando e reconstruindo 20 dos seus poemas, revisitando, igualmente, a sua heteronímia (Álvaro de Campos, Alberto Caeiro e Ricardo Reis). Fá-lo tendo como alicerce as próprias vivências e, tal como Pessoa, torna-se plural, revelando três dos seus heterónimos e respetivas histórias de vida (Luna Thea, Walter Ego e Ingenuo Garcia). Estes, ao longo do livro, confrontam-se com os heterónimos de Pessoa, resultando, desse confronto, a edificação de diálogos estimulantes, acompanhados por ilustrações interpretativas, que te auxiliarão na descoberta e análise da obra de Pessoa.
No livro, encontrarás espaços de criação, que o Diogo Piçarra libertou, para que possas também executar este exercício de reconstrução da obra pessoana. Assim o faz, na expectativa de que também tu te encontres em Pessoa.
 
 
 

quinta-feira, 6 de abril de 2017

Encontro com o autor João Carlos Brito

Ainda na semana da leitura contamos com a presença do autor João Carlos Brito, professor bibliotecário e escritor.
 
Veio principalmente expor a sua última obra "Dicionário de Calão do Porto".
 
Foi uma sessão muito interessante e divertida como podem imaginar!

 

 


Obrigada pela sua presença, Professor João Brito!

As histórias dos nossos avós!



Na semana da leitura contamos com a presença dos avós, distintos contadores de histórias que nos cativaram com a sua imaginação e história de vida!



 
 
Agradecemos a presença do avô Diogo São Pedro e da avó Alice Cruz!

quarta-feira, 22 de março de 2017

Semana da leitura - O prazer de ler


         SEMANA DA LEITURA                                    


27 A 31 DE MARÇO 2017




    O PRAZER DE LER


Conclusão da campanha eleitoral "Miúdos a Votos"!

Após a votação do dia 17 março, aqui na biblioteca, os livros vencedores são:


Para o 2º ciclo: Harry Potter e a Criança Amaldiçoada
                         Esta campanha eleitoral foi levada a cabo pelo
                         aluno Miguel Pais, do 6ºB
Resultado de imagem para harry potter e a criança amaldiçoada

 
 
Para o 3º ciclo: História de uma gaivota e do gato que a ensinou a
                         a voar
 
                         Esta campanha eleitoral foi realizada pelo aluno      
                         Tomás Moutinho, do 6ºA
Resultado de imagem para história de uma gaivota e do gato que a ensinou a voar
 
 
Damos os parabéns a todos os participantes que também angariaram muitos votos. São eles:
 
Vasco Sousa, 6ºC com o livro "Robinson Crusoe"
 
Nelson Vergas, 6ºB também com o livro "Rosinson Crusoe"
 
Mariana Bandeira, 6ºC com o livro "As gémeas no colégio de Santa Clara"
 

terça-feira, 14 de março de 2017

quinta-feira, 9 de março de 2017

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

"Fora da escrita a minha vida é banal" (Richard Zimler)



No dia 17 de fevereiro, esta sexta-feira, vamos receber na nossa biblioteca, o escritor Richard Zimler.


fnac-revista-estante--entrevista-a-richard-zimmler
 
 
 
Aos 61 anos, este norte-americano natural de Roslyn Heights, Nova Iorque, onde nasceu em 1956, é formado em Religião Comparativa e Jornalismo. Antes de se mudar para o Porto, onde vive desde 1990, foi jogador de basquetebol e jornalista em São Francisco.
 
 
Em 1996, enquanto dava aulas de Jornalismo na Universidade do Porto, publicou o romance O Último Cabalista de Lisboa, um livro que rapidamente o tirou do anonimato. O livro foi um sucesso de vendas e recebeu vários prémios nacionais e internacionais. Conta a história do massacre dos cristãos-novos em 1506.
 
 
O Último Cabalista de Lisboa
 
 
Outras obras conhecidas:
 

 
 
 
 
 


segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

As Crianças não brincam de brincar. Brincam de verdade.(Mário Quintana)

 
 
Os alunos da Pré, UEAM (Unidade Especializada de Apoio à Multideficiência) e 1º Ciclo estudaram vários escritores no 1º Período.

Neste período vão trabalhar outros autores.

Durante o mês de janeiro os alunos da Pré e UEAM ouviram ler a história "A bruxa Mimi no Inverno" de Valerie Thomas.
Resultado de imagem para a bruxa mimi no inverno
  
 
 
1.º Ano "Vamos contar um segredo e outra história" de António Torrado.
 
 

 
2.º Ano "Bichos, bichinhos e bicharocos" de Sidónio Muralha.
 
Resultado de imagem para bichos bichinhos e bicharocos

 
 
 
3.º Ano "A arca do tesouro" de Alice Vieira.
Resultado de imagem para a arca do tesouro

 
 
4.º Ano "O menino recompensado" de António Botto.
Resultado de imagem para o menino recompensado de antónio botto

 
 
Os alunos da Pré UEAM e 1.º Ciclo vão fazer alguns trabalhos alusivos às histórias que ouviram.

Quando esses trabalhos estiverem acabados podes observá-los aqui!